Adaptabilidade: a palavra de 2020

Juliana Gola
17 dezembro 2020

“Após uma década de pesquisas, o Google concluiu que o ingrediente secreto das equipes de alta performance não é a pressão por resultados, mas a segurança psicológica”. A citação está na matéria feita pela Exame em dezembro, sobre a primeira diretora de Saúde Mental da Ambev, Mariana Holanda, que está no cargo desde junho desse ano. “A cervejaria percebeu que a inovação passaria pela área de gestão de pessoas, trazendo formas diversas de pensar e oferecendo um espaço seguro para os funcionários testarem ideias novas”, diz a matéria.

É sobre isso que 2020 fala. Iniciativas voltadas para o humano, o protagonista de qualquer mudança e crescimento. Não é de hoje que estudos e autores se debruçam sobre formas de capacitação e valorização das pessoas em qualquer tipo de relação. Mas é cada vez mais forte este movimento também dentro das empresas, das grandes organizações, que resolveram cuidar de suas culturas e incorporar um pensamento que não é mais aposta, mas constatação. E em 2020, com a pandemia e a reestruturação das formas de trabalho, a transformação ficou ainda mais evidente.

Para Thiago Botana, um de nossos consultores, criador e desenvolvedor de programas de treinamento, a representatividade da AMBEV diz muito sobre o momento atual. “É uma empresa que sempre foi conhecida pela cultura de metas, mérito e pressão extrema nos colaboradores. Acredito que é uma grande mudança em um player dominante do mercado que naturalmente dá luz para esse movimento de equilíbrio entre trabalho e vida que tanto falamos, discutimos e buscamos”.

A Flow tem como principal diferencial, apontado pelos clientes em pesquisa recente, a capacidade de ser humana em todas as relações, com RHs, executivos, gerentes, trainees, parceiros e na sociedade de forma geral. E é nesse reforço que vimos os melhores resultados em 2020. Estivemos “em sala” 239 vezes, sendo 86% em formato online, e entregando mais do que sabíamos que poderíamos numa realidade tão nova para todos. O caso da AMBEV aponta para as novas posições que surgem com as novas necessidades. Assim também para o nosso time: novas dores indicaram novas rotas e resultados positivos.

“Nossos encontros de fechamento para muitos clientes foram repletos de choros comovidos dos participantes. Fizemos uma retrospectiva e uma linha do tempo vendo os principais avanços e é bem realizador ver como o programa fez sentido para eles”, conta Márcio Cassin, Partner e Country Manager da Flow International no Brasil.

Apesar do cenário de incertezas para 2021, sempre teremos 2020 como o ano em que aprendemos a encarar o novo. Adaptabilidade foi a palavra mais citada pelo time Flow para falar do ano que termina. “Temos que desenvolver novos jeitos de lidar com a vida. Entender que nada mais é uma constante, que temos que nos adaptar e continuar o aprendizado continuamente. Iremos mudar de funções muito mais vezes do que as últimas gerações estavam acostumadas ou tinham como expectativa. Então acho que aprender como aprender, como trabalhar a adaptação em diferentes cenários e tudo que envolve conexão humana são coisas que deveríamos olhar bastante em 2021”, conclui Thiago Botana.

Quinzenalmente produzimos nossa Newsletter com conteúdo exclusivo sobre liderança, cultura, juventude e temas relacionados ao desenvolvimento humano. Assine e receba gratuitamente!

Inscreva-se agora e receba nossas últimas newsletters!

A Flow Brasil é uma consultoria que prepara pessoas, equipes e organizações para o crescimento, relacionando habilidades e desafios, em projetos de cultura, liderança e juventude.

  • Rua Macunis, 68 - Vila Madalena, São Paulo, Brasil

  • marcio.cassin@flgbrasil.com

  • Telefone: +55 (11) 96647-8080

Flow Group © 2020 Todos os direitos reservados | by Next4